top of page
1.png

Enel participa de reunião da CPI dos Furtos de Fios e Cabos

Objetivo da investigação é propor soluções para combater crimes que afetam fornecimento de energia elétrica e causam outros prejuízos à cidade

Representantes da Enel participaram da segunda reunião ordinária da CPI dos Furtos de Fios e Cabos, realizada em São Paulo no dia 18 de maio de 2023. O encontro contou com a presença do gerente de redes subterrâneas, Danilo Lira, e do especialista institucional da Enel, Danillo Sene, que apresentaram informações sobre o crescente problema de furtos de fios e cabos de cobre na região da Grande São Paulo.


A Enel relatou que as ocorrências de furto de fios e cabos de cobre aumentaram mais de 121% somente entre 2021 e 2022. No ano passado, foram registradas 14.168 ocorrências desse tipo de crime. Até o mês de abril deste ano, a empresa já havia registrado 3.886 ocorrências, representando um aumento de 53% em relação a todo o ano de 2020.


Durante a reunião, Danilo Lira explicou as medidas adotadas pela Enel nos últimos anos para combater os furtos de fios e cabos na região. A empresa tem investido em tecnologias de supervisão, como alarmes e monitoramento remoto, visando capturar os criminosos em flagrante. Além disso, a Enel tem colaborado com o Poder Público e a Polícia Militar na identificação de estabelecimentos receptadores do cobre roubado, como ferros-velhos, e tomado as devidas providências para coibir essa prática.


O relator da CPI, vereador Coronel Salles (PSD), ressaltou que ainda é cedo para diagnosticar exatamente onde a Enel e o Poder Público têm falhado na prevenção desses furtos, mas defendeu a necessidade de penalidades mais rigorosas tanto para os autores dos furtos quanto para os receptadores do material roubado. Ele enfatizou os prejuízos significativos que essa prática tem causado na cidade e sugeriu uma mudança na Lei de Execução Penal para abordar os crimes de furto e receptação.


Durante a reunião, a CPI aprovou dois requerimentos convidando o coordenador do Programa Sinal Verde, major PM Rodrigo Garcia Vilardi, e a Sindcel (Sindicato da Indústria de Condutores Elétricos, Trefilação e Laminação de Metais Não Ferrosos do Estado de São Paulo) para participarem das próximas reuniões.

0 visualização0 comentário
coronel-salles4_edited.jpg
Contato
1.png

Gabinete

Câmara Municipal
Viaduto Jacareí, 100
Sala 420 | 4º andar
(11) 3396-4648

vereadorcoronelsalles@gmail.com

Siga as
redes do
Coronel Salles

x_.png
x.png
fb_edited.png
fb2.png
insta_edited.png
insta2.png
youtube_edited.png
youtube2.png
tik2_edited.png
tik.png
psd.png
bottom of page