top of page
1.png

Mais segurança em SP: valorização de policiais e GCMs é aprovada em 2º turno na Câmara Municipal

Nesta quarta-feira (22/11), a Câmara Municipal de São Paulo alcançou um marco significativo na área de segurança ao aprovar, em segundo turno, o Projeto de Lei (PL) 511/2023. Elaborado pela Prefeitura, com emendas do vereador Coronel Salles, a proposta tem o objetivo de elevar as gratificações destinadas aos policiais civis, militares, do Corpo de Bombeiros e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) envolvidos na Atividade Delegada na capital paulista. Além disso, o texto contempla a atualização nos valores pagos aos Guardas Civis Metropolitanos (GCMs) que participam da Diária Especial de Atividade Complementar (DEAC).


O vereador Coronel Salles defendeu o aumento e equiparação do valor da diária entre os integrantes das Polícias e da Guarda Civil. Essa melhoria legislativa representará um reconhecimento merecido aos agentes e mais segurança para a cidade de São Paulo.


"O aumento nas gratificações não apenas reconhece a dedicação dos agentes de segurança, mas também incentiva um desempenho ainda mais eficaz na preservação da ordem e na proteção da comunidade. Estou certo de que este é um investimento fundamental para a melhoria da segurança em São Paulo, e estou orgulhoso de ter contribuído para este projeto tão importante", afirmou o ex-Comandante Geral da Polícia Militar e atual vereador, Coronel Salles.


A Atividade Delegada, que possibilita aos policiais atuarem na segurança pública da cidade durante seus dias de folga, significa mais policiais aderindo ao policiamento e, consequentemente, mais segurança para a cidade de São Paulo. Essa colaboração é celebrada entre a Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), o município e o governo do Estado de São Paulo.


A relevância deste convênio como ferramenta complementar para o policiamento da segurança municipal é fundamental. Incentivos adicionais serão concedidos aos profissionais escalados para regiões estratégicas e para aqueles que atuam em horários noturnos (22h às 6h).

Os valores atribuídos aos policiais civis, militares, do Corpo de Bombeiros, Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e da Guarda Civil Metropolitana serão corrigidos pela Unidade Fiscal do Estado de São Paulo (Ufesp).



0 visualização0 comentário
coronel-salles4_edited.jpg
Contato
1.png

Gabinete

Câmara Municipal
Viaduto Jacareí, 100
Sala 420 | 4º andar
(11) 3396-4648

vereadorcoronelsalles@gmail.com

Siga as
redes do
Coronel Salles

x_.png
x.png
fb_edited.png
fb2.png
insta_edited.png
insta2.png
youtube_edited.png
youtube2.png
tik2_edited.png
tik.png
psd.png
bottom of page